Governador entrega escrituras a mutuários da extinta Cohab em Limoeiro

quinta-feira, 14 de maio de 2009 |


A alegria dos moradores que receberam das mãos do governador Eduardo Campos as escrituras definitivas das casas construídas pela extinta Companhia Habitacional de Pernambuco - Cohab – estava estampada no rosto de cada um no momento da entrega dos documentos. Quem melhor definiu a sensação de, após anos de espera, receber a garantia do imóvel próprio foi o aposentado da cidade de Limoeiro, no Agreste de Pernambuco, Gerson Pereira do Nascimento.

“É o maior presente que eu já recebi em todos os tempos. Esse documento aqui vai garantir um futuro para minha família. Você não tem noção do quanto estou feliz”, vibrou, após receber a escritura das mãos do Governador. Ele conta que o caminho percorrido até a entrega definitiva foi grande. “A situação há 30 anos atrás era muito difícil. A Cohab não tinha escritório por aqui e a burocracia era grande demais. Além disso, o tempo e a distância impediam meu deslocamento até o Recife”, desabafou.

A dona de casa Maria dos Santos Silva, que há 25 anos reside numa casa da Cohab, em Surubim, também estava muito feliz e lembrou da época quando conseguiu comprar a casa própria. “Trabalhei na casa de uma mulher que conseguiu financiar minha casa. Com muito esforço paguei todas as parcelas e hoje posso morrer feliz.” Ela contou que no momento da entrega ficou tão emocionada que esqueceu de cumprimentar o Governador. “É muita emoção. A herança dos meus quatro filhos está aqui nas minhas mãos”, vibrou levantando a escritura.

Graças ao trabalho desenvolvido pela Pernambuco Participações e Investimentos S/A - Perpart, empresa que assumiu todas as pendências da Cohab, desde 1999, muitos mutuários - assim como dona Maria dos Santos e seu Gerson Pereira - estão tendo a oportunidade de receber suas escrituras. “Estamos cumprindo orientação do Governo do Estado, que adotou a política de levar os serviços desenvolvidos pela Perpart até o cidadão, que há mais de 20 anos espera por esse benefício. Queremos até o final de 2010 liquidar pelo menos metade das escrituras que ainda não foram solicitadas e entregues”, avisou o diretor-presidente da Perpart, Sebastião Pereira Lima Filho.

Durante a viagem pelo Agreste Setentrional, semana passada, o Governo entregou escrituras em quatro municípios: Limoeiro (57), Feira Nova (cinco), Bom Jardim (quatro) e Surubim (23). “É nosso dever garantir a essas pessoas que com muito sofrimento juntaram dinheiro, pagaram pela casa e não receberam os papéis dos imóveis. A Perpart está levantando esses documentos e garantindo para pais e mães de família a segurança de deixar um lar, um bem para seus filhos”, explicou Eduardo.

Enquanto existiu, a extinta Cohab construiu por todo Estado mais de 120 mil imóveis. A maioria foi construída há mais de 30 anos. Um dos objetivos da Perpart é levar as ações da empresa para o Interior. Só esse ano, já foram beneficiadas as cidades de Caruaru, Gravatá, Bezerros, Altinho, Serra Talhada, Salgueiro e Cabo de Santo Agostinho.


Com informações do Diário Oficial

0 comentários: