PORQUE ISALTINO DEVE SAIR

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012 |




A República é, antes de mais nada, um pacto moral: o que é de todos, a res púbica ou coisa pública, não pode ser por ninguém apropriada, seja rei ou súdito.

A República se funda ainda sobre preceitos morais e a universalidade da lei.

O secretário Isaltino Nascimento, apropriou-se do que é público, desrespeitou regras morais e feriu a lei.

Sua autoridade está definitivamente desfeita. E como tal, não pode continuar a exercê-la, pois que a exemplaridade da conduta e o respeito a lei são condições sine qua para o exercício do cargo e o respeito e a obediência dos seus concidadãos.

Respeito e obediência devidos não a ele, mas a República que personifica pelo exercício do cargo que maculou.

Ele deve e precisa sair.

Raul Jungmann

0 comentários: