Anônimo comenta ao blog

domingo, 11 de março de 2012 |

Rapaz como existe toda essa rejeição se o candidatos Ana Arraes e Ghilherme Uchoa obtiveram 15 000 e 10 000 votos em timbauba, respectivamente. Muitas obras são federais e estaduais é verdade, mas quem foi buscar junto a união e alguns casos ao estado. Pq carpina que é uma cidade grande e considerada a mais importante da mata norte, não terá uma UPA, A fábrica de polyester, UFPE entre outros acontecimentos importantes. Isso se deve ao poder de articulação do prefeito, que está fazendo em 4 anos o que em 40 anos não ocorreu em timbauba. Mas apesar disso concordo com o centralismo da gestão e com super poder que o mesmo détem na cidade, pois tudo em excesso é ruim, principalmente a falta de uma oposição forte, que é fundamental em qualquer situação. Situação semelhante vive seu aliado e governador do estado Eduardo campos que não possui oposição forte.


* Comentário anônimo de um leitor na postagem Marinaldo e a visão centralista

0 comentários: