Quadrilha suspeita de falsificação de documentos é presa em Vicência

Parte de uma quadrilha de falsificação de documentos foi desarticulada na tarde de quinta-feira (29) em Vicência, na Zona da Mata Norte do Estado.  A polícia acredita que os suspeitos fazem parte de um bando que atua nos estados do Rio Grande do Norte, Paraíba, Bahia e São Paulo.

O primeiro a ser preso foi Geraldo Mariano da Silva, de 70 anos. Ao tentar sacar R$ 2.200 de uma agência do Banco do Brasil, a gerente desconfiou do nervosismo dele e acionou a polícia. Geraldo da Silva estava com duas identidades com a foto dele, mas nomes diferentes.

Segundo os policiais, ele confessou que pretendia sacar o dinheiro e dividir com mais dois integrante da quadrilha que estavam em Nazaré da Mata, também na Zona da Mata Norte do Estado.

Ainda de acordo com a polícia, Hugo Gustavo Amorim Macedo, 34 anos, e José Jorge Pessoa, 46 anos, foram encontrados hospedados em um hotel com outras cem identidades falsas. Equipamentos como notebook, impressora, e plastificador que seriam usados para confeccionar novos documentos falsos também foram apreendidos.

O trio foi autuado em flagrante por estelionato, falsificação de documento e formação de quadrilha. À tarde, os suspeitos serão encaminhados para o presídio de Limoeiro, no Agreste do Estado. O caso deverá ser investigado pela Delegacia de Vicência.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.