No Cafézinho (O Infeliz comentário de Renato)


O trágico incidente que aconteceu na tarde de ontem em Tracunhaém, onde um raio vitimou 4 adolescentes, conseguiu ser alvo também de um infeliz fechamento de matéria, feito pelo apresentador do Bom dia Brasil, Renato Machado.
Depois de exibir uma matéria com mais ou menos 2 minutos e 15 de duração, narrando os fatos e apresentando o curto depoimento desesperado da mãe de uma das vítimas, a matéria fechou voltando para a retranca seca de Renato que poderia dizer em Slow, qualquer coisa. Falar sobre o perigo das chuvas, falar da meteorologia, repassar algum trecho de nota da defesa civil nacional. Mas, Não! esse não era o Renato Machado! Esse não seria o verdadeiro Renato Machado, que degusta vinhos franceses em Taças de Cristal. Ele teria que falar de improviso soltando a frase seca: " Esse incidente aconteceu, num zona rural muito pobre do interior de Pernambuco, essas famílias dos garotos eram tão pobres, que nem sequer tinham foto das vítimas, para que pudéssemos mostrar os outros dois adolescentes." Fiquei bestificado, o café perdeu o sabor e acendi um cigarro, não acreditando no que um profissional com 50 anos de carreira poderia ter dito ao vivo, na lata, sem pestanejar e com um ar de arrogância e superioridade. Sabe-se que a Globo não tem mais o seu padrão globo de qualidade, principalmente no jornalismo, que por sinal parece muitas vezes querer atender interesses particulares específicos. Mas, daí fazer com que acreditemos cada vez mais, na máxima de que os veículos de imprensa do sul, sempre vivem minimizando as potencialidades Nordestinas...seria um pouco demais, para um Jornalismo que se diz responsável e que passa a imagem de valor e responsabilidade. Talvez alguém da globo leia essa nota e lembre-se que Tracunhaém cidade vizinha a Carpina é uma cidade cheia de potencialidades, culturais e turísticas, reconhecida com uma cidade lotada de grandes artesãos, pelo Ministério da ciência e tecnologia e apesar de ter uma população, carente e muito pobre, não é necessário se reafirmar isso em caráter nacional, essas pessoas que perderam seus filhos necessitam nesse momento de apoio e fé, não de um Jornalismo voltado à exploração da sentimentalismo nacional. Talvez, Renato e companhia, um dia lembrem disso quando estiverem em seus vôos fretados, tomando champagne de primeira.

** Guto Brandão, escreve a coluna no Cafézinho, todas as segundas-feiras.

3 comentários

Charles Meira disse...

Esse infeliz, pois trata-se de uma pessoa infeliz com a vida, devia rebuscar sua memória abastada, e lembrar-se que Tracunhaém foi um dia palco de uma das novelas da Rede Bobo, sem falar do que representa esse pequeno município no cenário cultural e artístico brasileiro, tendo seus mestres em cerâmica tido seus trabalhos expostos no Brasil e exterior. Fica difícil assistirmos a Rede Bobo, pois o Fantastico já era, O domingo Espetacular é infinitamente melhor e por aí vai...

jean jaques disse...

charles plin plin meira, cadê o dindin do ipanc de carpina, lembro que esse tempo de tracunhaem foi anterior a familia metralha lapa e a novela chamava-se coração alado, tu gosta do domingo espetacular por que ele é uma cópia falsificada do fantástico, tu és falso até com os lapas, tu falas muito mal deles, como tu mesmo tem me falado os lapas já acabaram, são passado, e quem vive de passado é museu. na frente dos lapas tu os defende, porem por trás tu os esfaqueia. tu és um traíra e tu sabes disso, carlos lapa te conhece muito bem, faz o jogo dele e fica calado pois esse é o teu último mandato pois o povo que se vende não quer mais ser comprado. faz uma faculdade estudas que talvez tu possas viver de uma profissão digna ou serás sustentado pela mulher e sogra. Jairo teu sogro fala muito mal de tu plin plin meira.

Anônimo disse...

e ai tinha foto ou não, façam a controvérsia mais esclareçam, tracunhaem e belo oriente, araçoiaba são pobres mesmo vejam o IDH delas, façam alguma coisa para mudar essa realidade, políticos sem vergonha que estão querendo confundir as pessoas de bem.

Tecnologia do Blogger.