Servidores do Hospital Dom Malan colocam cargo à disposição do Estado

Por precárias condições de atendimento à população, cerca de 150 servidores estaduais que atuam no Hospital Dom Malan, em Petrolina, sertão de Pernambuco, colocaram o cargo à disposição da Secretaria Estadual de Saúde nesta segunda-feira (11). No próximo dia 27, será a vez dos servidores municipais. De acordo com o Sindicato dos Servidores da Saúde (Sindsaúde-PE), o objetivo é que o Estado volte a assumir a gerência do hospital entregue ao Imip.
“A situação não melhorou com a mudança de gestão. Hoje, por exemplo, uma auxiliar de enfermagem atende quase 20 pacientes, quando o recomendado são sete pacientes. É uma sobrecarga de trabalho, o que é ruim para o paciente e para o trabalhador”, explica a coordenadora-geral do Sindsaúde, Perpétua Rodrigues.
Há 15 dias, o Sindsaúde entregou às Secretarias de Saúde do Estado, do município, Secretaria de Administração do Estado, Gerencia do Imip e a Gerencia Regional de Saúde (Geres) documento informando que a partir desta segunda (11) os cargos seriam colocados à disposição. Segundo a coordenadora, o Estado não disponibilizou novos servidores para substituir quem está colocando o cargo à disposição. Por isso, a partir das 11h30 desta segunda, os servidores se apresentarão na Secretaria de Saúde de Petrolina e às 14h participarão de assembléia da categoria, na 8ª Geres, para definir os rumos do movimento.
SINDSAUDE – Cerca de 10 mil profissionais da saúde do Estado de Pernambuco são filiados ao Sindsaúde-PE. Entre eles, auxiliares em saúde, assistentes em saúde (auxiliares de enfermagem e técnicos administrativos) e analistas em saúde (psicólogos, assistentes sociais e enfermeiros).

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.