Audiências discutem índices de violência em Pernambuco nesta quinta-feira

sexta-feira, 15 de maio de 2009 |


Quais os resultados até agora do Pacto pela Vida, o programa do Governo do Estado, implantando há dois anos, para diminuir os índices de violência em Pernambuco? A resposta foi pedida pelos deputados estaduais, integrantes da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa. Para discutir o assunto, vão participar representantes das secretarias de Defesa Social, de Ressocialização, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, além da Ordem dos Advogados Do Brasil (OAB) e representantes de entidades de combate à violência. Esse encontro será às 9h, na Assembleia Legislativa, no centro do Recife. Também às 9h, no Ministério Público de Pernambuco, uma outra audiência vai abordar o enfrentamento da violência sexual contra crianças e adolescentes. A atividade faz parte da campanha que estará nas ruas na tarde do dia 18 de maio, com uma caminhada pelo centro do Recife. A audiência desta quinta será na Avenida Visconde de Suassuna, 99, no bairro da Boa Vista, no Recife.

Informações do Portal PE 360º

2 comentários:

Anônimo disse...

esse professor não gosta do santa cruz por causa de seu pai que é tricolor, porém o abandonou por ter sido feito fora do casamento. ele pensa que todo tricolor é pai dele. ser tricolor é ser algo mais que um simples torcedor, é gostar das cores não do jogador, valorizar a sua história e respeitar osoutros acima de tudo . esse vagabundo acha que todo mundo é igual ao pai dele. só mostrou a cobra, mas não era coral

tricolores de carpina disse...

sobre esse deseducador que foi demitido do colegio decisão por justa causa ao insultar os torcedores do Santa Cruz chamando-os de marginais, deve servir de exemplo para os demais colegas que extrapolam os limites da boa convivencia e do respeito mútuo onde se prega respeito as diferenças. Aqui em carpina ele costumava chamar os estudantes do curso pré-vestibular do colegio decisão de marginais e chegou a discutir com uma estudante de 17 anos por ela estar com uma blusa do santa cruz, mandando que ela tirasse essa porcaria e colocasse a camisa da coisa que era muito mais bonita,a estudante deu a ele uma aula de direito ao exigir respeito ou procuraria tomar providência junto a direção que foi acionada, porém apenas o aconselhou, tendo continuado sua sanha doente inflamando outros a continuarem a sua obra. ao ser demitido ele não pagou pelos seus erros apenas deixou de cometê-los nessa escola. cabe aos meios de comunicação repudiar essas atitudes desconstrutivas em nossa sociedade, sou tricolor e tenho muitos parentes que torcem apaixonadamente pelos times de pernambuco, sem esse tipo de humilhação barata desse desequilibrado mental babaca.