Revista Bites divulga estudo sobre a força nas redes sociais (blogs, orkut e youtube) do governador Eduardo Campos e do senador Jarbas Vasconcelos

A revista Bites (www.bites.com.br) divulga, nesta quinta-feira (14), estudo inédito sobre a imagem pública digital dos dois importantes personagens do cenário político pernambucano e potenciais candidatos ao governo do Estado em 2010. O trabalho levantou os comentários dos “formadores de opinião” na Internet que participam de redes sociais como o Orkut, Facebook, Youtube, MySpace e principalmente nos Blogs.

O estudo “AS REDES SOCIAIS E A ELEIÇÃO DE 2010: O CASO PERNAMBUCO – A disputa entre o governador Eduardo Campos e o senador Jarbas Vasconcelos na web 2.0” levantou todas as citações positivas, negativas e neutras feitas aos dois políticos nos blogs, Orkut, youtube entre os meses de janeiro e março deste ano. No Orkut, por exemplo, o senador teve no período analisado identificadas três comunidades favoráveis com um total de 920 participantes. O governador também tinha na época do levantamento três comunidades com mais de 7.000 apoiadores. “Dentro da internet há milhares de pessoas que querem conversar com os seus políticos e não há como ignorar essa realidade”, afirma Manoel Fernandes, Publisher da Bites. “É o primeiro trabalho da série que a revista vai fazer sobre a imagem dos políticos dentro do mundo 2.0.”

As repercussões estudadas ocorreram entre os meses de janeiro a março deste ano. Nesse período, acontecia na cena política: a polêmica entrevista do Senador à Revista Veja; as diversas visitas do Presidente Lula ao estado de Pernambuco, o projeto do estado de Pernambuco para sediar alguns jogos da Copa de 2014, entre outros. Vale destacar que nesse período foi divulgada uma pesquisa pelo Datafolha sobre a intenção de votos no estado, simulando uma disputa entre os dois políticos. Confira a pesquisa em anexo.

Internet - Os brasileiros são os que passam mais tempo na Internet segundo o Ibope/NetRatings. Em março de 2009 a média mensal de utilização no domicílio foi de 26 horas e 15 minutos, índice que coloca os brasileiros à frente dos internautas dos Estados Unidos, Japão, Inglaterra, França e Espanha. O dado surpreende não apenas pela grande quantidade de horas navegadas, como também pela tendência de que esse número aumente ainda mais nos próximos anos. Em relação ao mesmo período do ano passado, o aumento foi de 12%.

Quanto a redes sociais, o Ibope/NetRatings também divulgou pesquisa em março com o ranking das dez redes sociais mais usadas no país, com a audiência que atingem entre os 25 milhões de internautas residenciais. Em primeiro lugar está o Orkut (71,2%) e, em seguida, Sonico (6,8%).

Nos EUA, o presidente Obama foi o primeiro político a utilizar as ferramentas da web 2.0 para conquistar o apoio do eleitorado americano. Quando era candidato, ele somou mais de 13 milhões de endereços de e-mails, dois milhões de participantes do site MyBarackObama.com e cinco milhões de apoiadores em mais de 15 outras redes sociais, incluindo o Facebook, onde 3,2 milhões de usuários manifestaram sua preferência. No Twitter, Obama chegou a ter mais de 160 mil seguidores. Agora, como presidente, ele usa a mesma estratégia para conquistar o público de redes sociais.

Bites - BITES é uma empresa com expertise no mundo da web 2.0. A companhia é assessora empresas na montagem de estratégias de comunicação digitais com foco nas redes sociais. Entre os clientes desses serviços estão marcas como a Editora Abril, TV Globo, Cisco, NEC, Editora Globo, Certisign, Yahoo! Brasil, Terra, GVT e várias empresas em montar modelos de conversação digital com os seus consumidores.


AS REDES SOCIAIS E
A ELEIÇÃO DE 2010:
O CASO PERNAMBUCO

A disputa entre o governador Eduardo Campos e o senador Jarbas Vasconcelos na web

ESCOPO DA ANÁLISE
O escopo da análise e os filtros utilizados em cada rede social foram os seguintes:
Orkut
Filtros: Comunidades que tenham registrado atividade (entenda-se por atividade novos tópicos no fórum de discussões) durante o período analisado.
Resultados encontrados: 7 comunidades
Blogs
Filtros: Busca via Technorati com a seleção Pesquisa em posts, considerando quando o termo é Tag do post ou parte do texto do post e optando por blogs com qualquer autoridade.
Na contagem dos comentários foram excluídos os que não fazem referência às duas Tags do levantamento. Dessa forma, a contagem e posterior avaliação de cada um dos comentários torna-se mais precisa.
Obs.: A autoridade de um blog no Technorati é mensurada de acordo com os “links” para esse blog, aumentando, com isso, a audiência e o alcance do blog “linkado”.
Resultados encontrados: 61 blogs
Youtube
Filtros: Vídeos em português
Resultados encontrados: 43 vídeos
Facebook
O Facebook não apresentou resultados em seus grupos que fazem qualquer referência às Tags analisadas.
MySpace
O MySpace também não apresentou resultados em seus grupos que fazem qualquer referência às Tags analisadas.



ANÁLISE
Blogs


A análise da blogosfera é mais complexa entre todas as redes porque os blogs necessitam de um acompanhamento mais prolongado, com escopo mais bem definido, de modo que se possa monitorar com maior profundidade as interações entre aqueles canais que realmente têm alguma aderência ao assunto de interesse.


Todos os blogs estavam ativos em março/abril, período de elaboração deste estudo. Nenhum deles foi criado exclusivamente para discutir assuntos relacionados às Tags usadas como objeto de análise. Diferentemente do Orkut ou outras redes sociais, com comunidades dedicadas ao assunto, nos blogs o que prevalece é sua função de diário virtual, em que o internauta posta suas opiniões e discute com os interlocutores que o lêem vários temas sobre os quais ele queira manifestar ideias ou mesmo quando o dono do blog apenas copia notícias e artigos de outros veículos de informação e reproduz total ou parcialmente na forma de post.


O mês de janeiro apresentou uma tendência de equilíbrio em relação à quantidade de posts que citam Eduardo Campos e Jarbas Vasconcelos. O que difere o tratamento dado a cada um dos políticos diz respeito à variedade de assuntos. As citações a Jarbas no primeiro mês do ano restringem-se à sua atuação no Senado, principalmente sobre sua influência política adquirida e reforçada ao longo de sua carreira. Os posts e comentários, em sua maioria, são avaliados como neutros. Eduardo Campos tem seu nome citado quando os posts divulgam a agenda do governador de Pernambuco. A avaliação geral vai de neutro a positivo.


Eduardo consegue ainda em janeiro uma grande quantidade de posts que envolvem seu nome nas discussões sobre a proibição da venda de bebidas alcoólicas nos estádios de futebol. Publicamente, o governador apresentou sua opinião de maneira clara e o assunto repercutiu de neutro a positivo nos posts, porém sem gerar discussões significativas nos espaços reservados para comentários.


Três fatos foram decisivos para os posts avaliados como positivos para Eduardo Campos no mês de janeiro.No início do ano, Campos considerou “contrária ao bom senso” a decisão da Celpe (distribuidora de energia elétrica) de cobrar, na fatura de janeiro, diferenças nas contas de luz dos meses de maio a setembro de 2005. No dia 13/01, o governador fez a entrega pública de novas viaturas da Polícia Militar, assunto muito positivo. A repercussão nos comentários foi insignificante quando comparada com a quantidade de posts sobre esses dois temas. O terceiro assunto muito positivo foi sobre os preparativos para que Pernambuco apresentasse seu projeto à Fifa para sediar alguns jogos da Copa de 2014.
A queda de homicídios pelo segundo ano consecutivo no estado e a visita da ministra Dilma Roussef ao Pernambuco para anunciar o início das obras da refinaria Abreu e Lima foram assuntos do mês de janeiro com potencial positivo para Eduardo, mas não muito explorados nos blogs.


Na primeira semana de fevereiro, Eduardo Campos apresentou-se otimista ao garantir que a crise financeira mundial não significa uma ameaça aos investimentos em seu estado e em todo o Brasil. Semanas depois, recebeu novamente a visita da ministra Dilma Roussef para os festejos de carnaval em Olinda. Alguns posts foram avaliados como positivos porque informaram que Campos foi bem recebido pelos foliões.

O maior destaque de todo o período de análise é atribuído à repercussão da entrevista de Jarbas Vasconcelos concedida à revista Veja, que chegou às bancas no dia 14 de fevereiro. A entrevista gerou a maior quantidade de posts nos três meses e certamente mobilizou os donos de blogs e os internautas em geral, para que expressassem suas opiniões diante das denúncias apresentadas pelo senador. Com tanto alarde, pode-se afirmar que outros assuntos políticos desapareceram dos blogs, que ficaram praticamente o mês inteiro e uma parte de março repercutindo as Páginas Amarelas de Veja.
Jarbas recebeu bem mais comentários positivos do que negativos, mas essa tendência favorável não se verificou em razão de comentários neutros. Estes, mesmo ao elogiar a coragem de Jarbas, diziam que as denúncias não eram novidade e que o próprio político não tem um histórico político claramente honesto.


O senador pernambucano continuou exposto durante o mês de março por causa de seus discursos na tribuna. Os resultados em termos de classificação dos posts e comentários seguiram o que foi verificado na época das denúncias feitas por ele na edição de Veja.
O final de março foi positivo para Eduardo Campos quando o presidente Lula o acompanhou até a Zona da Mata pernambucana para a inauguração de uma fábrica da Sadia. Na visita às instalações, Lula rebateu as críticas de Jarbas Vasconcelos contra o Bolsa Família. O governador Eduardo Campos falou sobre a importância da Sadia na geração de emprego e renda. Dois dias depois foi divulgado no jornal Folha de S.Paulo um levantamento do Datafolha que aponta Eduardo Campos como um dos governadores mais bem avaliados do País.
Em sua maioria, os posts apenas reproduziram a pesquisa sem manifestar concordância ou discordância com os resultados apresentados. A quantidade de comentários pode ser considerada nula sobre a pesquisa.


Um pouco mais de debate aconteceu com outra divulgação de pesquisa do Datafolha feita no mesmo jornal ainda no final de março. Os números são positivos para Eduardo e Jarbas, pois eles aparecem tecnicamente empatados nas simulações para intenção de voto para governador de Pernambuco em 2010. Manteve-se a simples reprodução dos números por parte dos posts, mas os leitores dos blogs manifestaram-se um pouco mais, quase sempre mantendo a neutralidade.


Orkut

No Orkut há quatro comunidades relacionadas a Jarbas Vasconcelos que tiveram seus fóruns atualizados no primeiro trimestre de 2009. Três comunidades são favoráveis ao senador e somam 920 participantes. Apenas uma é negativa e tem 181 membros.
Apenas três comunidades sobre Eduardo Campos receberam algum tipo de atualização no período analisado. Duas delas são a favor dele e somam 7.604 participantes, com destaque para a comunidade “Eduardo Campos – PE” que tem 7.564 membros. A comunidade considerada negativa “Odeio eduardo campos!!!” é desprezível: 11 pessoas.
Nessa rede social as opiniões são mais expostas e debatidas pelos participantes. Essa é uma grande vantagem do Orkut em relação aos blogs.


política 2.0
Naturalmente, há uma concentração maior de pessoas a favor ou contra cada um dos políticos em suas respectivas comunidades, ou seja, no Orkut, caso optasse por analisar cada um dos tópicos, quase nenhum seria classificado como neutro.


Youtube
No Youtube há um equilíbrio entre Jarbas Vasconcelos e Eduardo Campos quando são comparadas as quantidades de vídeos sobre cada um deles. Jarbas tem 22 vídeos contra 21 de Eduardo.
A polêmica suscitada pela entrevista a Veja, e depois pelos discursos de Jarbas e seus opositores no Senado e na Câmara dos Deputados, fez com que a soma de visualizações dos 22 vídeos atingisse a marca de 7.338.
Os 21 vídeos sobre Eduardo Campos somaram 4.631 visitas e o conteúdo é bastante positivo porque mostra inaugurações e principalmente o projeto para que Recife seja subsede da Copa do Mundo de Futebol de 2014.
Todos os vídeos referentes ao senador somam 54 comentários e todos sobre o governador somam 11 comentários.
A análise desses comentários indica que as citações no Youtube sobre Jarbas Vasconcelos são, em sua maioria, neutras e negativas. A quantidade de comentários positivos não ultrapassa a metade das outras duas classificações e praticamente referem-se à entrevista concedida à revista Veja e ao seu passado político.
O levantamento no Youtube aponta que Eduardo Campos tem a seu favor vídeos que mostram sua rotina como governador, porém isso não desperta interesse do público espectador em comentar as imagens. Dos 11 comentários, apenas 2 são negativos e 8 são neutros.



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.